Esta Semana

18 jan
Conhecer, compreender e dar a conhecer, para melhor transmitir aos públicos que ...
18 jan
Num momento que se pretende de grande interatividade, convidamo-lo a conhecer de ...
18 jan
O Aprendiz de Cientista é um projeto dedicado a promover a investigação ...

Temas

+ Votados

Moinho de Armação - Tipo Americano, Alcabideche


2ª a 6ª 10h00 - 17h00
Sábados e domingosEncerrado

Gratuíto

Moinho de Armação - Tipo Americano, Alcabideche Rua Guilherme Fernandes, loja A, lote 4
2755 Alcabideche

O Moinho de Armação - Tipo Americano, localizado em Alcabideche,  pretende dar a conhecer a importância dos moinhos como património a preservar, tendo em vista o entendimento das características do meio ambiente e os fatores naturais e culturais que os envolvem, numa perspetiva de recuperação de memórias e de educação patrimonial.

A utilização de sistemas de moagem para a transformação de produtos agrícolas como o trigo, o milho e o centeio, remonta a tempos muito antigos. No século XI, encontram-se já referências à existência de moinhos de vento em Cascais, mais precisamente em Alcabideche, nos versos do poeta árabe Ibn Muqâna.

O crescimento populacional e o progressivo sedentarismo, associados à constituição de aglomerados urbanos, obrigaram ao aumento da produção de farinhas, ingrediente essencial no fabrico do pão - tão importante nos nossos hábitos alimentares - dando origem a diferentes tipologias de moagem.

Na segunda metade do século XIX, surge o moinho tipo americano. Eficaz e de fácil instalação, difundiu-se com sucesso, chegando a Portugal nas primeiras décadas do século XX. Estas estruturas ganharam esta denominação pelo facto de ostentarem uma armação metálica na cobertura do moinho, semelhante a uma casa de habitação e por se tratar de uma criação oriunda dos Estados Unidos da América.

Em Cascais, a família Roquete, detentora de uma das principais empresas de construção de aeromotores a nível nacional, abraçou a ideia e desenvolveu-a de acordo com as necessidades e características do nosso concelho, introduzindo velas em chapa em forma de saco, aproveitando melhor a energia eólica num conceito de maximização da produção.

As estruturas de moagem no nosso concelho mantiveram-se em laboração até mais tarde do que as suas congéneres da região de Lisboa, por beneficiarem de um mercado abastecedor local e por se localizarem a grande distância das zonas industriais de transformação cerealífera, com exceção de uma fábrica existente em Carcavelos.

A ampliação e remodelação da Fábrica de Moagem de Carcavelos, em 1953, ditaram o declínio das estruturas moageiras tradicionais da zona periférica.

Atualmente, existem no concelho de Cascais dois exemplares de Moinhos de Armação, o de Alcabideche e outro em Alcorvim de Cima (Malveira da Serra), este último sem qualquer hipótese de recuperação.

O Moinho de Armação - Tipo Americano, em Alcabideche, encontrava-se integrado na Quinta de S. Martinho, pertencente à família Pires Correia. Esta estrutura, cedida ao município no âmbito do Plano de Urbanização, para musealização e preservação de uma memória patrimonial, foi alvo de uma grande campanha de obras de reabilitação que respeitou na íntegra a sua traça original, permitindo o melhor entendimento da evolução dos processos tecnológicos.

Com uma intensa atividade dirigida a grupos escolares, o Moinho abre também em dias específicos para a dinamização de oficinas de pão. 

Visitas (Mediante marcação prévia para grupos a partir de 10 pessoas): 2ª, 4ª e 6ª feira das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 16h00


Pesquisar na agenda

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisbanner_bairromuseus_0banner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais