Está aqui

Centro de Documentação do Museu da Música Portuguesa

As coleções documentais da Biblioteca do Museu da Música Portuguesa são especializadas nas áreas da musicologia, antropologia, etnomusicologia, etnologia, sociologia e literatura.

O Centro de Documentação do Museu da Música Portuguesa, resultante da junção dos espólios de Michel Giacometti, Fernando Lopes Graça e Álvaro Cassuto, é constituído por uma biblioteca, que inclui um vasto conjunto de documentos, em diversos suportes, nomeadamente, monografias, publicações periódicas, partituras impressas, estudos e teses; um arquivo documental que reúne correspondência, fotografias, dossiês de imprensa, programas de concerto, recolhas etnográficas, autógrafos musicais entre outros; e pelos Arquivos Sonoros que disponibiliza recursos audiovisuais variados.

Fundo Fernando Lopes-Graça
A biblioteca deste fundo é constituída por cerca de três mil títulos nas áreas temáticas da musicologia, história, história da arte, sociologia, filosofia e literatura.
No campo da literatura, além dos clássicos portugueses e estrangeiros, é imenso o conjunto de obras de autores contemporâneos, com primeiras edições, autografadas, que nos transmitem a sua ligação a figuras ímpares da cultura portuguesa.
Este conjunto inclui ainda a totalidade da obra literária do compositor, assim como uma interessante coleção de periódicos, editados entre 1899 e 1990.

Fundo Michel Giacometti
Esta biblioteca reúne cerca de dois mil títulos, que incluem obras importantes para o estudo nas áreas da antropologia, etnologia, sociologia, história, musicologia e etnomusicologia. Faz ainda parte deste acervo uma importante coleção de romanceiros e cancioneiros populares portugueses e estrangeiros, estudos sobre filologia portuguesa, monografias e uma significativa coleção de periódicos.
Destacam-se, neste conjunto, algumas obras essenciais para o estudo da etnologia portuguesa, com grande ênfase para as ex-colónias.

Biblioteca de Álvaro Cassuto
Com cerca de dois mil títulos, esta biblioteca contém documentos raros e valiosos, alguns inéditos e coleções muito completas de periódicos musicais, parte delas bastante raras.
Neste conjunto evidenciam-se missais, obras religiosas com notação musical, manuais para o ensino da música (estando o mais antigo datado de 1620), partituras manuscritas, autógrafos originais, manuscritos musicais e numerosas obras de referência dos séculos XIX e XX, de musicólogos e investigadores consagrados.

Fundo de atualização
Cerca de dois mil e quinhentos títulos compõem este fundo que é fruto de aquisições e ofertas que permitem a atualização e o enriquecimento do acervo existente.

 

 

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisbanner_bairromuseus_0banner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais